Domingo, 17 de Outubro de 2021
19 9 8882-5790
Cidades Paralização

Profissionais do Transporte Complementar paralisam atividades nesta quarta-feira (29)

O motivo da greve seria o aumento de R$ 0,22 no diesel

29/09/2021 12h26
Por: Redação Fonte: Sete Segundos
Cortesia
Cortesia

Na manhã dessa quarta-feira (29), os motoristas do transporte complementar intermunicipal entraram de greve. O motivo seria o aumento de R$ 0,22 no diesel, segundo o Presidente da categoria dos complementares.

Os profissionais estão reunidos no Terminal Rodoviário de Maceió, localizado no bairro do Feitosa. Ainda hoje os profissionais irão fazer uma carreata que passará no Palácio do Governo, na ARSAL (Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Alagoas) e acabará no Tribunal de Justiça onde haverá uma reunião com deputados para discutir as medidas que serão realizadas.

Maécio Ferreira, Presidente da categoria, falou em entrevista que os transportes complementares estão há três anos sem reajuste no preço da passagem. Uma das reivindicações é a isenção do ICMS no preço do combustível “Só esse ano o preço [do diesel] subiu 35%, inviabilizando a operação. Nós estamos buscando com o Governo do Estado mecanismos para que a gente não repasse esse reajuste para a passagem.” disse. 

O transporte complementar é responsável por 95% da condução intermunicipal, atendendo em média até 100 mil pessoas por dia.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.