Publicidade

Vítimas das chuvas poderão sacar até R$ 6.220 do FGTS; saiba como solicitar

Estado declarou situação de emergência em 32 municípios por causa dos estragos causados pelo temporal dos últimos dias.

12/07/2023 às 14h12
Por: Redação
Compartilhe:
Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

Os moradores das áreas afetadas pelas fortes chuvas em Alagoas terão a possibilidade de solicitar o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) por calamidade, com um valor máximo de R$ 6.220.

Após a declaração de situação de emergência em 32 municípios do estado devido aos danos causados pelas chuvas, as pessoas que precisaram deixar suas casas chegaram a um total de 25 mil durante o pico da crise, mas esse número diminuiu para 6.880 nesta quarta-feira (12).

Segundo informações da Caixa Econômica Federal, os valores do FGTS estarão disponíveis para saque após a emissão de decretos municipais que declarem o estado de calamidade e o reconhecimento do Ministério do Desenvolvimento Regional, por meio de portaria ministerial.

Após a definição desses requisitos, os moradores que tiveram suas residências afetadas poderão solicitar o saque do FGTS de forma digital, por meio do aplicativo FGTS, utilizando a opção Saque Digital, sem a necessidade de comparecer a uma agência da Caixa.

Para solicitar o FGTS, é necessário possuir saldo positivo na conta do fundo e não ter realizado saque por motivo semelhante em um período inferior a 12 meses.

O processo de solicitação pode ser realizado pelo celular, utilizando o aplicativo FGTS disponível para download gratuito nas plataformas Android e iOS. Após fazer o download do aplicativo e inserir as informações de cadastro, o usuário deve acessar a opção "Meus saques" e selecionar "Outras situações de saque". Em seguida, deve escolher a opção "Calamidade pública" e informar o município afetado.

Após essas etapas, o solicitante poderá selecionar a forma de receber o valor, escolhendo entre "Crédito em conta bancária de qualquer instituição" ou "Sacar presencialmente". Será necessário enviar os seguintes documentos: foto de um documento de identidade (como carteira de habilitação ou passaporte) e comprovante de residência (conta de luz, água ou outro documento recebido por correio) em nome do trabalhador, emitido até 120 dias antes da declaração de calamidade. Se o comprovante de residência estiver em nome do cônjuge ou companheiro(a), será necessário enviar também a Certidão de Casamento ou Escritura Pública de União Estável.

Após enviar a solicitação, o prazo para análise e crédito em conta, se aprovado o saque, é de cinco dias úteis.

Aqui está a lista dos municípios onde o saque do FGTS por calamidade será liberado:

  • - Atalaia
  • - Barra de Santo Antônio
  • - Barra de São Miguel
  • - Branquinha
  • - Capela
  • - Cajueiro
  • - Colônia Leopoldina
  • - Coqueiro Seco
  • - Flexeiras
  • - Ibateguara
  • - Jacuípe
  • - Joaquim Gomes
  • - Maceió
  • - Maragogi
  • - Marechal Deodoro
  • - Matriz de Camaragibe
  • - Murici
  • - Passo de Camaragibe
  • - Paulo Jacinto
  • - Paripueira
  • - Penedo
  • - Pilar
  • - Quebrangulo
  • - Rio Largo
  • - Satuba
  • - São José da Laje
  • - Santana do Mundaú
  • - São Luís do Quitunde
  • - São Miguel dos Campos
  • - São Miguel dos Milagres
  • - União dos Palmares
  • - Viçosa
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários